artificial intelligence, brain, thinking-4389372.jpg

A curva do esquecimento e a Libras

? A curva do esquecimento e sua aplicação no estudo de Libras junto com a técnica de revisão espaçada.

O que é curva do esquecimento?

Os elefantes são conhecidos por sua memória excepcional
Os elefantes são conhecidos por sua memória excepcional

A curva do esquecimento é um modelo teórico que descreve como a memória funciona ao longo do tempo. Esse conceito foi proposto pelo psicólogo alemão Hermann Ebbinghaus, em 1885, após ele realizar uma série de experimentos sobre a memória humana.

Segundo Ebbinghaus, a curva do esquecimento mostra que a retenção de informações tende a diminuir ao longo do tempo, a menos que sejam revisadas e reforçadas. O modelo sugere que, para evitar o esquecimento, é necessário revisitar a informação em intervalos regulares.

De acordo com a curva do esquecimento, após 20 minutos de aprendizagem, as pessoas tendem a esquecer cerca de 40% da informação. Após uma hora, esse número sobe para 56%, e após um dia, chega a 70%. Ou seja, se não houver revisão ou reforço do aprendizado, a maior parte da informação pode ser esquecida em pouco tempo.

Para evitar o esquecimento, é importante revisar as informações regularmente. A técnica de revisão espaçada, baseada na curva do esquecimento, sugere revisar a informação em intervalos cada vez mais espaçados ao longo do tempo, o que pode maximizar a retenção de informações a longo prazo.

Como aplicar a curva do esquecimento

https://images.unsplash.com/photo-1454165804606-c3d57bc86b40?ixlib=rb-4.0.3&q=80&fm=jpg&crop=entropy&cs=tinysrgb

Criar um plano de estudo para revisão pode maximizar a retenção de informações

A aplicação da curva do esquecimento no aprendizado pode ser muito útil para ajudar as pessoas a reterem e reforçarem seu conhecimento em diversas áreas, como idiomas, matemática e ciências.

Para aplicar a curva do esquecimento com foco na educação é importante criar um plano de estudo que inclua revisões regulares do material aprendido. Isso pode incluir a revisão de anotações, resumos e exercícios resolvidos. É importante revisar o material com intervalos progressivamente maiores. Por exemplo, revisar o material após 24 horas, depois após uma semana, depois após um mês, e assim por diante.

Além disso, a prática constante do que foi aprendido é fundamental para reforçar a memória. Em vez de apenas revisar o material, é importante tentar aplicá-lo em situações reais. Por exemplo, se estiver aprendendo um idioma, pratique a fala com outras pessoas ou assista a filmes e séries no idioma estudado.

Conclusão

A curva do esquecimento é um modelo teórico que descreve como a memória funciona ao longo do tempo. Para evitar o esquecimento, é importante revisar as informações regularmente. A técnica de revisão espaçada, baseada na curva do esquecimento, sugere revisar a informação em intervalos cada vez mais espaçados ao longo do tempo, o que pode maximizar a retenção de informações, a longo prazo. Ao aplicar a curva do esquecimento, no estudo, é possível reforçar o aprendizado e evitar o esquecimento a longo prazo.

A técnica de revisão espaçada é baseada na curva de esquecimento e se concentra em programar períodos regulares de revisão para maximizar a retenção de informações a longo prazo. Em vez de revisar informações de forma intensiva, logo após aprendê-las, a técnica de revisão espaçada sugere revisar a informação em intervalos cada vez mais espaçados ao longo do tempo.

A aplicação da curva de esquecimento e da técnica de revisão espaçada no estudo da Língua de Sinais Brasileira (Libras) pode ser muito útil para ajudar as pessoas a reterem e reforçarem seu conhecimento da língua. Por exemplo, é importante revisar os sinais e frases aprendidos regularmente para garantir que eles sejam memorizados e possam ser usados de forma eficiente na comunicação.

No caso da Libras, o uso da técnica de revisão espaçada pode ser especialmente útil por permitir que o estudante revisite o material em intervalos regulares, mantendo o conhecimento fresco na memória e evitando o esquecimento a longo prazo. Além disso, a prática constante da língua, seja com outros falantes da Libras ou em situações reais de comunicação, é fundamental para aprimorar as habilidades de comunicação e compreensão na língua.

Clique aqui para conhecer os diferenciais dos cursos de Libras da Verbo em Movimento!

Técnicas teatrais para melhorar sua comunicação em Libras
Rolar para cima